Tag Archives: paz

A minha homenagem a / My tribute to Nelson Mandela

Today I join millions of others to mark December 5, 2013 as the date when the World has lost the physical presence of one of his greatest, Nelson Mandela, in order to, I believe, increase the power of his spirit of reconciliation and peace among all people. / Hoje junto-me a milhões de outros para marcar o 5 de Dezembro de 2013 como a data em que o mundo perdeu a presença física de um dos seus maiores, Nelson Mandela, por forma a, acredito eu, aumentar o poder do seu espírito de reconciliação e paz entre todas as pessoas.

Acho que ele, Mandela, iria gostar desta música, The Final Emotion, e das palavras do seu autor, Phil Sawyer, a propósito da edição do album Beautiful World, do qual faz parte: “I believe the only way to stop this madness is a change, a revolution if you will, in the hearts of all human beings.”

Advertisements

All Saints’ Day (followed by All Souls’ Day).

Dia de Todos- os-Santos (seguido do Dia dos Fiéis Defuntos).

Não quero, irmãos, que ignorem o que se passa com os crentes que já dormem o seu último sono, para que não caiam na tristeza, como o resto das gentes que vivem sem esperança
Porque se cremos que Jesus, depois de morrer, ressuscitou, também devemos crer que todos aqueles que morreram, fiéis a Jesus, Deus os tornará a trazer à vida, na companhia de Jesus.
Tessalonicenses/Thessalonians 4: 13-14

Instruments of Peace.

Agora, vemos como num espelho, de maneira confusa; depois, veremos face a face. Agora, conheço de modo imperfeito; depois, conhecerei como sou conhecido.
1Coríntios 13:12

For now we see only a reflection as in a mirror; then we shall see face to face. Now I know in part; then I shall know fully, even as I am fully known.
1Corinthians 13:12 (NIV)

E esta, hein? – como diria o saudoso Fernando Pessa.

Para quem não entende o “francium”:


Os jornalistas ouviram quando Nicholas Sarkozy chamou mentiroso ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e escreveram-no. Primeiro o “Le Monde”, sem reproduzir as palavras exactas, o “Arrete sur Images”, depois: “Não posso mais vê-lo. É um mentiroso”, disse Sarkozy.
E Obama respondeu: “Pode estar cansado dele, mas eu tenho de lidar com ele todos os dias”.

(Obama e Sarkozy apanhados a dizer mal do primeiro-ministro de Israel, 2011-11-09, JN)

Com a paz internacional entregue a estes dois, será caso para nos preocuparmos?

O que impede Portugal de sair da crise económica? (4)

A importância da estabilidade.

A Economia é a base da sociedade. Quando a Economia é estável a sociedade progride. A Economia ideal  combina o espiritual e o material, e as melhores mercadorias para negociar são a sinceridade e a amizade.
Ueshiba Morihei, A Arte da Paz (da tradução inglesa por John Stevens)

God of this city.

(Deus desta cidade)
.
És a luz nesta escuridão,
És a esperança para os desesperados,
És a paz para os inquietos.
Tu És!

Turn, turn, turn

Uma velhinha canção da banda americana The Byrds, que foi êxito em 1965, cuja letra é o texto bíblico do livro de Eclesiastes, capítulo 3, versículos 1 a 8, acrescentado apenas com as palavras turn, turn, turn que lhe dão o título (do verbo inglês to turn, cuja tradução é virar, mudar, transformar, modificar, …).
.
.
Porque há, também, um tempo para mudar e esse tempo é chegado.

O comité Nobel a fazer política sem subserviência?

Parece não haver agora qualquer dúvida.

.

Depois de ontem ter sido noticiada a atribuição do Nobel da Literatura a Mário Vargas Llosa, hoje sabe-se que foi atribuído o Nobel da Paz 2010 ao activista chinês pelos direitos humanos, Liu Xiaobo- actualmente preso.

Uma forma agradável de perceber o espantoso destas escolhas será ler o romance de Irwing Walace, O Prémio.

Still / Tranquilo.

Find rest my soul, in Christ alone…
In quietness and trust…
I will soar with you above the storm…
I will be still and know you are God.
.
.

Agnus Dei.(2)

Agnus Dei qui tollis peccata mundi: dona nobis pacem.

Cordeiro de Deus que tiras o pecado do mundo: dá-nos paz.
Lamb of God who takes away the sins of the world: give us peace.
.
.