Love is the answer.

An oldie but a goodie (Velhinha, mas boazinha).


Ninguém se encontra na solidão. Ninguém pode sequer sonhar de forma verdadeira se não tem com quem partilhar os seus desejos íntimos. Ninguém chegará sequer perto da felicidade se não viver abraçado a alguém. Ninguém se completa a si mesmo. Ninguém se basta.
O egoísta e o vaidoso não percebem que a nossa felicidade não passa por cuidarmos de nós mesmos, mas dos outros. Que só esquecendo-nos de nós e entregando o melhor de nós mesmos conseguiremos permanecer para sempre naqueles a quem assim amámos.
Ser é amar, e amar é dar-se.

O amor é o contra-egoísmo
por José Luís Nunes Martins
(publicado aqui e aqui)

3 responses to “Love is the answer.

  1. Fora do assunto do bom post: Só hoje é que reparei na publicidade que faz ao Sabor Oriental. Esse é bom, limpinho, baratas free? (Os crepes têm carne picada?) Beijinho

  2. Os donos já são mais portugueses do que chineses. (Os crepes, não sei o que têm, porque não como disso. Aconselho o pãozinho chinês cozido ao vapor – esse tem muita carne picada.😉 )

  3. Obrigada! Um dia experimento o restaurante.
    Sou vegetariana já lá vão 12 anos; deixo o pãozinho para si.🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s