« …: não se governa nem se deixa governar!» *

(…)
Uma última pergunta deve colocar-se aos portugueses, neste momento particular em que muitos se apercebem que o país tem sido muito mal conduzido: Querem poder governar-se, ou preferem continuar a ser (mal) governados por gente gananciosa e sem escrúpulos como tem acontecido?

(As verdadeiras e as falsas questões para se chegar à democracia, 23 Março 2010, no blogue Democracia Directa – V.C.)

.

*«Há, na parte mais ocidental da Ibéria, um povo muito estranho: não se governa nem se deixa governar!» – frase escrita no séc. I ou II a. C. por um general romano em serviço na Ibéria (seria o nosso Sertório?) em carta enviada ao Imperador. A autoria da frase passou mais tarde a ser atribuída a Caio Júlio César.

2 responses to “« …: não se governa nem se deixa governar!» *

  1. E eu a pensar que tal teria sido afirmado pelo FMI …

  2. Pedro Esgalhado

    A frase é atribuida ao General Galba, que teria sido um dos primeiros governadores romanos na península, no Séc III AC…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s